*

Online contabilistas.net

  • Administrador
  • Diamante
  • *****
  • 4532
  • 386
  • "A dúvida é a origem da verdade."
Eu empreendedor
« em: Abril 26, 2013, 11:30:34 am »
Caros colegas e utilizadores em geral,

Mais um tema que gostava de obter a vossa opinião, sim porque a vossa opinião é para nós IMPORTANTÍSSIMA, necessitamos dos vossos testemunhos, bem como a votação na sondagem.

1 - Qual a opinião dos colegas, face ao empreendedoris mo?
2 - Já pensou empreender? ser o seu próprio "patrão"?
4 - Qual a maior dificuldade para se tornar empreendedor?
5 - Qual o ramo de actividade que o levaria a empreender?
                                       

Não se esqueça de participar na votação!

Muito obrigado


Cumprimentos
Paulo Carvalho
Administrador
« Última modificação: Abril 26, 2013, 05:44:14 pm por contabilistas.net »


Cumprimentos
Paulo Carvalho


*

Offline André Pereira

  • C.C
  • Diamante
  • *****
  • 1460
  • 440
  • "Sucesso é mais atitude do que aptidão."
Re: Eu empreendedor
« Responder #1 em: Abril 26, 2013, 12:33:16 pm »
Bom dia Paulo,

Cá vai a minha linha de pensamento e resposta as questões colocadas.

1 - Qual a opinião dos colegas, face ao empreendedoris mo?
A meu ver parece ser hoje em dia consensual que não se nasce empreendedor. Podemos, sim, herdar algumas características que certamente nos ajudarão nas nossas incursões pelo mundo dos negócios.
É também certo que muitos empreendedores se revelam muito precocemente (durante a infância e juventude) destacando-se pela sua capacidade de liderança, competitividad e ou “jeito” para os pequenos negócios. Contudo, está ao alcance de qualquer um tornar-se empreendedor.
Ao observar verdadeiros empreendedores no seu perfil, é possível identificar um conjunto de aspetos que lhes são muito próprios e saliento 9 que penso ser importantíssimos:
1. Os empreendedores são peritos em identificar, explorar e comercializar oportunidades.
2. São exímios na arte de criar (novos produtos, serviços ou processos).
3. Conseguem pensar “fora do quadrado”: a maioria das pessoas, por temer o insucesso e ser avessa ao risco, tem dificuldade em considerar novas formas de abordar problemas e perspectivar a realidade. Quem o consegue fazer beneficia de uma enorme vantagem na deteção de novas oportunidades.
4. Pensam de forma diferente: os empreendedores têm uma despectiva diferente das coisas; adivinham problemas que os outros não vêm ou que ainda nem existem; descobrem soluções antes mesmo de outros sentirem as necessidades.
5. Vêm o que outros não vêm: o empreendedor vê oportunidades que escapam aos outros, ou a que os outros não atribuem relevância.
6. Gostam de assumir riscos: acreditam nos seus palpites e seguem-nos.
7. Os empreendedores competem consigo próprios e acreditam que o sucesso ou fracasso dependem de si. Na sua maioria não desistem e nunca param de lutar pelo sucesso.
8. Aceitam o insucesso: embora nenhum empreendedor goste de falhar, sabe que a possibilidade de fracassar é inerente ao risco que qualquer atividade empreendedora comporta. O insucesso é encarado como uma possibilidade de aprender e evoluir e previne futuros fracassos.
9. Observam o que os rodeia: a grande maioria das ideias e inovações bem sucedidas foram desenvolvidas a partir de uma realidade próxima ao empreendedor – no âmbito profissional, familiar, de lazer.

Mas para além destas há um conjunto de outras características comuns aos empreendedores mais generalistas mas não menos importantes: Curiosidade, Capacidade de resistência (física e emocional), Orientação para objetivos, Independência, Exigência, Elevada propensão ao risco calculado, Tolerância à ambiguidade e à incerteza, Criatividade, Inovação, Visão, Empenho, Aptidão para resolução de problemas, Capacidade de adaptação, Iniciativa, Integridade, Capacidade de angariação de recursos, Capacidade de persuasão, Forte apetência pela mudança, Empatia, Tolerância ao fracasso, entre outros que por agora não me ocorre.

Em grande medida a performance do empreendedor está associada a características pessoais como a iniciativa, a empatia, a capacidade de adaptação e de persuasão. De entre as várias características que permitem identificar um empreendedor podemos destacar a perseverança, o desejo e vontade de traçar o rumo da sua vida, a competitividad e, a auto-estima, o forte desejo de vencer, a auto-confiança e a flexibilidade.
Para além destas características, que embora se possam considerar inatas podem e devem ser potenciadas pelo empreendedor, existe um conjunto de outras competências que um líder deve possuir e desenvolver continuamente: as competências emocionais, o auto-conhecimento e a criatividade.

Recomenda-se ao empreendedor que se mantenha recetivo à inovação e criatividade de forma a conseguir identificar oportunidades, que seja realista na apreciação de novas ideias e que seja persistente na prossecução de um objetivo.

Em Suma “Os empreendedores nunca se reformam…”  :)

2 - Já pensou empreender? ser o seu próprio "patrão"?
Sim, já pensei e estou a pensar gradualmente em ser.

4 - Qual a maior dificuldade para se tornar empreendedor?
A meu ver são inúmeras as dificuldades enfrentadas pelo empreendedor. Algumas variam de mercado para mercado, mas outras parecem ser bastante comuns para quem se aventura em um negócio próprio. Como por exemplo:
1. Desafios financeiros. Ter acesso a recursos financeiros para criar a empresa, promover seu crescimento economicamente sustentável e manter a estabilidade.
2. Aplicação de recursos. Garantir que os recursos humanos, financeiros e materiais estão sendo aplicados da forma mais otimizada possível ao negócio.
3. Eliminar a sensação de que há coisas demais para fazer e pouco tempo para realizá-las.
4. Ter um plano de viabilidade muito fraco – ou simplesmente não ter um plano de viabilidade do negócio.
5. Criar um plano de negócios que tenha uma estratégia de saída. Ou seja, o empreendedor não deve criar um negócio que amarre completamente sua vida.
6. Desenvolver e alavancar relacionamento s com outras pessoas (incluindo mentores) que podem ajudar e guiar o empreendedor em seu negócio.
7. Usar as novas tecnologias e a internet de forma vantajosa para o negócio.
8. Se concentrar em seus pontos fortes e terceirizar eficientemente as demais tarefas.
9. Criar e promover sua(s) marca(s).
10. Gerenciar o negócio, ao invés de operar seu dia a dia (há uma grande diferença entre as duas coisas).


5 - Qual o ramo de actividade que o levaria a empreender?
Área das ciências económicas e sociais na Prestação de serviços alargando o âmbito ao empreendedoris mo social.



Cumprimentos,
André Pereira


*

Offline patyraposo

  • C.C
  • Ouro
  • ***
  • 134
  • 3
Re: Eu empreendedor
« Responder #2 em: Abril 26, 2013, 02:47:10 pm »
Boa tarde colegas!
Fica a minha opinião sobre as questões colocadas:

1 - Qual a opinião dos colegas, face ao empreendedoris mo?
Ser empreendedor é ter iniciativa de querer ultrapassar esta crise económica pelos seus próprios meios e poder arriscar num negócio que de seu ponto de vista é viável.
Eu acredito que é durante o periodo de crise que se consegue obter os melhores negócios e melhor sucesso.

2 - Já pensou empreender? ser o seu próprio "patrão"?
Actualmente não me considero uma grande empreendedora, mas iniciei o meu próprio negócio em Dezembro de 2012, tenho um escritório de contabilidade e divido o espaço com um colega na área de seguros. Temos 2 atividades distintas, mas o facto de partilhar-mos o mesmo espaço é uma forma de o rentibilzar, pois oferecemos mais do que um serviço.

4 - Qual a maior dificuldade para se tornar empreendedor?
A maior dificuldade em tornar empreendedor é sobretudo a carga fiscal e burocrática no pais onde estamos inseridos.

5 - Qual o ramo de actividade que o levaria a empreender?
O ramo de atividade é a que tenho atualmente, prestador de serviços na área da contabilidade, mas como trabalhador independente.

Cumprimentos,

Patricia Dias


*

Offline Fátima V

  • C.C
  • Platina
  • ****
  • 916
  • 29
Re: Eu empreendedor
« Responder #3 em: Abril 26, 2013, 04:18:31 pm »
Boa tarde colegas,

A minha opinião é a seguinte:

1- Qual a opinião dos colegas, face ao empreendedoris mo?

Por vezes a vida reserva-nos desafios aos quais é preciso responder, principalmente perante a conjuntura actual de desemprego o empreendedoris mo pode ser a resposta/alternativa existente, o trilhar caminhos alternativos no sentido de vencê-los e seguir em frente. É certo porém que ser empreendedor é algo que nem todos conseguem suportar, um estilo de vida/profissional exigente onde se requer permanente audácia, o empreendedor acredita que o risco compensa pois vê oportunidades que outros não conseguem deslumbrar. 
Existe no entanto grande diferença entre o empreendedor por oportunidade e o empreendedor por necessidade, perfis diferenciados de uma mesma realidade.
Tal como a colega já referiu também acredito que é durante os períodos de crise que se consegue obter os melhores negócios, ou pelo menos começar a construir algo que se encontre realmente sólido em períodos melhores, ou seja, plantar agora para colher em períodos vindouros.


2 - Já pensou empreender? ser o seu próprio "patrão"?
Sim em breve, acho que quem se encontra na nossa área dificilmente não pensa em criar o seu próprio negócio, quer seja em part-time ou full-time.


4 - Qual a maior dificuldade para se tornar empreendedor?
No meu caso a maior dificuldade será mesmo a angariação de cliente, pretendo fazer a minha própria carteira de clientes, o facto de estarmos “vedados” à publicidade dificulta um pouco mais, mas as dificuldades variam de caso para caso consoante a actividade pretendida e das possibilidades de cada um etc…, sendo que não se pode excluir as analises económico-financeiras entre outras, que deverão ser realizadas/analisadas antecipadament e.


5 - Qual o ramo de actividade que o levaria a empreender?
Prestação de serviços na área da contabilidade.
Cumprimentos,
Fátima


*

Online contabilistas.net

  • Administrador
  • Diamante
  • *****
  • 4532
  • 386
  • "A dúvida é a origem da verdade."
Re: Eu empreendedor
« Responder #4 em: Maio 03, 2013, 01:36:43 pm »
Obrigado aos participantes, mais ainda a quem nos trouxe a opinião pessoal, é realmente de extrema importância ter o vosso retorno.
Aos que ainda não "Votaram" por favor, é importante que o façam o mais breve possível.



Obrigado
« Última modificação: Maio 03, 2013, 04:27:31 pm por contabilistas.net »
Cumprimentos
Paulo Carvalho

+500

*

Offline goncalo92

  • Estudante
  • Prata
  • **
  • 18
  • 0
Re: Eu empreendedor
« Responder #5 em: Maio 09, 2013, 12:12:49 am »
Ola, sou o gonçalo, tenho 20 anos, e por acaso gostava de um dia conseguir empreender no meu proprio negocio.
Identifico como principais obstáculos o acesso a crédito. As grandes oportunidades são mesmo o turismo e a taxa de envelhecimento da nossa população.
Um dos grandes obstáculos também é a nossa cultura, em que somos educados para nos licenciarmos e conseguirmos emprego.
Estou a tirar o curso de gestão e meu grande objectivo e contraria a contade da maior parte dos pais, e em vez de trabalhar por conta de outrem conseguir proporcionar mais postos de trabalho para o país. Mas por agora estou a trabalhar para ser um bom contabilista.

 

Eu empreendedor - Dificuldades!

Iniciado por contabilistas.netQuadro Emprego

Respostas: 1
Visualizações: 1346
Última mensagem Maio 14, 2013, 03:52:38 pm
por André Pereira
Eu empreendedor - Actividade

Iniciado por contabilistas.netQuadro Emprego

Respostas: 4
Visualizações: 1615
Última mensagem Maio 21, 2013, 05:06:24 pm
por contabilistas.net
Eu empreendedor - Contabilidade

Iniciado por contabilistas.netQuadro Emprego

Respostas: 3
Visualizações: 1588
Última mensagem Maio 29, 2013, 09:48:53 am
por André Pereira
Booking.com

Mensagens recentes

Votações

Você não está autorizado a ver Sondagens neste quadro.
Dezembro 2017
Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sáb
1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 [12] 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30
31