*

Offline Petro

  • C.C
  • Prata
  • **
  • 6
  • 0
Modelo 3 IRS 2014 - CAE vs CIRS
« em: Maio 04, 2015, 10:52:48 am »
Um TOC que esteja inscrito com o CAE 69200 deve colocar a soma das prestações de serviço no campo 440 ou 443 (quadro 4, anexo B)?




*

Offline rikj

  • T. Contabilidade
  • Ouro
  • ***
  • 50
  • 1
Re: Modelo 3 IRS 2014 - CAE vs CIRS
« Responder #1 em: Maio 14, 2015, 04:06:21 pm »
Boa pergunta. Segundo a linha de apoio para um SP com o cae 66 (seguros) disseram para meter no 440, mas ao ler as instruções fico na dúvida se não será no 443. O que me parece é que o 440 é para CAEs de 4 digitos


*

Offline Petro

  • C.C
  • Prata
  • **
  • 6
  • 0
Re: Modelo 3 IRS 2014 - CAE vs CIRS
« Responder #2 em: Maio 25, 2015, 02:21:16 pm »
Resposta da OTOC:

Colega,
 
Em resposta às questões apresentadas, somos do seguinte entendimento:
 
No caso em análise, se se tratam de atividades profissionais que constam na Lista a que se refere o artigo 151.º do CIRS, significa que o coeficiente a aplicar aos rendimentos auferidos no ano de 2014 é o coeficiente de 0,75 nos termos da alínea b) do n.º 2 da anterior redação do artigo 31.º do CIRS (antes da entrada em vigor da Lei da Reforma do IRS).
 
O coeficiente 0,10 apenas será aplicável às prestações de serviços que estejam diretamente relacionadas com as atividades discriminadas no artigo 4.º do CIRS, e que não nos parece ser o caso exposto, pois pressupomos tratarem-se de atividades de:  contabilidade, auditoria e consultadoria (atividades profissionais que constam na Lista do 151.º do CIRS).
 
Este também é o entendimento disposto na Circular n.º 5/2014, de 20 de março e que se encontra disponível no nosso SITOC em: Doutrina.
 
Para o ano de 2015, os rendimentos referidos estão também sujeitos ao coeficiente de 0,75 nos termos da alínea b) do n.º 1 da atual redação do artigo 31.º do CIRS.
 
Assim, o sujeito passivo em causa deverá relevar os seus rendimentos, no Anexo B da modelo 3 referente ao ano de 2014, no campo 440 do quadro 4 A, sendo-lhe aplicado o coeficiente de 0,75.
 
Por último, salientamos que independenteme nte do que consta no cadastro fiscal (embora este deva estar devidamente atualizado), para efeitos de aplicação dos coeficientes do Regime Simplificado, interessam as atividades efetivamente exercidas, pelo que, se estamos perante a prestação de serviços de contabilidade, auditoria ou consultadoria fiscal, o coeficiente a aplicar é de 0, 75 porque se tratam de atividades profissionais que constam na Lista do artigo 151.º do CIRS.
 
É este o nosso entendimento sobre as questões que nos foram colocadas, salvo melhor opinião.
 
A emissão deste parecer não dispensa a consulta da legislação indicada.
 
Na expectativa de lhe termos sido úteis, subscrevemo-nos.


 

IRS 2014 - duvida art.º 70 CIRS

Iniciado por marcosferreiraQuadro Apoio a Contabilidade

Respostas: 0
Visualizações: 1080
Última mensagem Julho 11, 2015, 05:23:58 am
por marcosferreira
IRS 2014 - duvida art.º 70 CIRS

Iniciado por marcosferreiraQuadro IRS

Respostas: 16
Visualizações: 3766
Última mensagem Novembro 02, 2015, 10:49:41 pm
por Francisco Mesquita
Attestation fiscale 2014 – equivalente ao modelo de RFI

Iniciado por debsousaQuadro IVA

Respostas: 7
Visualizações: 2659
Última mensagem Maio 12, 2014, 09:01:12 am
por debsousa
Despacho nº 1576/2014, de 31/1 - modelo 22, respetivos anexos e instruções.

Iniciado por José Manuel MotaQuadro IRC

Respostas: 7
Visualizações: 3615
Última mensagem Fevereiro 03, 2014, 09:17:27 am
por debsousa
RU - CIRS

Iniciado por nleaoQuadro Recursos Humanos

Respostas: 1
Visualizações: 692
Última mensagem Abril 23, 2013, 09:34:28 am
por BMTCONTA
Booking.com

Mensagens recentes

Votações

Você não está autorizado a ver Sondagens neste quadro.
Dezembro 2017
Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sáb
1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 [13] 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30
31