*

Offline Galaxylevel

  • Outros
  • Prata
  • **
  • 4
  • 0
Criação de Próprio emprego - Ajuda
« em: Junho 24, 2015, 04:54:47 pm »
Boa tarde.

O meu nome é Ricardo e neste momento a minha esposa encontra-se desempregada, neste sentido estamos a planear tentar abrir um negócio para ela.
 
Estamos a pensar num take away de Sushi na zona de Mafra.

Sendo um negocio local e de pequena dimensão onde claramente não chegara a um volume de negocio muito elevado, gostaria de saber o que me aconselhariam a fazer, colectar as minha esposa como empresário em nome individual ou existe mesmo a necessidade de abrir empresa?

Como se processa estas situações a nível de contabilidade?

Muito Obrigado




*

Offline tania.domingues

  • T. Contabilidade
  • Ouro
  • ***
  • 69
  • 2
Re: Criação de Próprio emprego - Ajuda
« Responder #1 em: Junho 24, 2015, 06:32:09 pm »
Boa tarde,

em termos de constituição de sociedade há a defesa do património pessoal. Quando se trabalha por conta própria ou como empresário em nome individual, todos os seus bens ficam afectos à actividade empresarial e podem, por exemplo, ser usados para o pagamento de dívidas.
No entanto, a sociedade implica responsabilida des jurídicas, fiscais, etc..
A sociedade implica:         
-Adoptar uma firma;
-Ter contabilidade organizada;
-Fazer inscrever no registo comercial os actos a ele sujeitos;
-prestar contas (pagamento anual de 85,00 € aquando da entrega da IES).
-Inscrição na segurança social e pagamento de contribuições caso aplicável;
-Inscrição na Autoridade para as Condições de Trabalho;
-Ter serviços de higiene e segurança no trabalho;
-Ter seguro de acidentes de trabalho;
-Outros licenciamentos e alvarás quando aplicável;
-Ter técnico oficial de contas.
Além dos custos de constituição, há também a taxa de IRC, Derrama...

Em termos de Empresário em Nome Individual para iniciar actividade basta comunicar o facto às Finanças e Segurança Social. Não existem custos iniciais de constituição nem obrigação de ter capital social.
O ENI está também sujeito obrigações:
    -Inscrição na segurança social e pagamento de contribuições caso aplicável;
    -Inscrição na Autoridade para as Condições de Trabalho;
    -Ter serviços de higiene e segurança no trabalho;
    -Ter seguro de acidentes de trabalho;
    -Outros licenciamentos e alvarás quando aplicável.

A determinação dos rendimentos pode ser feita de duas formas (art.º 28 n.º 1 CIRS):
    -Pelo regime simplificado, não tenham ultrapassado no período de tributação imediatamente anterior um montante anual ilíquido de rendimentos desta categoria de 200.000 € (art.º 28º n.º 2 CIRS).
    -Com base em contabilidade organizada, caso seja ultrapassado algum dos limites acima referido, ou mesmo no caso contrário, se for essa opção do empresário (art.º 28º n.º 4 CIRS).

Regime Simplificado: Um dos aspectos mais importantes deste regime é o modo como se determina o rendimento tributável (ou seja, o valor que se tem em conta para efeitos fiscais). Essa determinação é feita através da aplicação de um coeficiente conforme art 31º CIRS
 
Na medida em que as margens de lucros reais se afastem destes valores pré-definidos, poderá fazer sentido optar pelo regime de contabilidade organizada.
Desaparece a colecta mínima no regime simplificado, o que permite que trabalhadores inseridos na Categoria B possam ter baixos rendimentos sem que tal implique um pressuposto de rendimento mínimo por parte da Administração Fiscal.
 
Interessa também referir que no regime simplificado não é preciso recorrer a um técnico oficial de contas, embora, se estiver sujeito a IVA será aconselhável.

O empresário em nome individual, caso cumpra algumas condições, nomeadamente, não ter tido no ano anterior um volume de negócios superior a € 10.000 nem possuir contabilidade organizada, pode estar isento de IVA. Nessa situação, não terá de exigir o IVA aos seus clientes, o que constitui alguma vantagem comercial. Caso não haja isenção de IVA, e o volume de negócios seja inferior a 650.000,00 €, este terá de ser entregue ao Estado trimestralment e (no caso contrário, a entrega será mensal) – Art.º 41º CIVA.


Em termos de questões gerais, espero que seja útil.

Tânia Domingues

Cumprimentos,
Tânia Domingues


*

Offline Rosinda Cristina

  • C.C
  • Diamante
  • *****
  • 1572
  • 106
  • Partilhar Ideias... Ouvir...Refletir... É Arte...
Re: Criação de Próprio emprego - Ajuda
« Responder #2 em: Junho 24, 2015, 08:11:31 pm »
Boa tarde,

em termos de constituição de sociedade há a defesa do património pessoal. Quando se trabalha por conta própria ou como empresário em nome individual, todos os seus bens ficam afectos à actividade empresarial e podem, por exemplo, ser usados para o pagamento de dívidas.
No entanto, a sociedade implica responsabilida des jurídicas, fiscais, etc..
A sociedade implica:         
-Adoptar uma firma;
-Ter contabilidade organizada;
-Fazer inscrever no registo comercial os actos a ele sujeitos;
-prestar contas (pagamento anual de 85,00 € aquando da entrega da IES).
-Inscrição na segurança social e pagamento de contribuições caso aplicável;
-Inscrição na Autoridade para as Condições de Trabalho;
-Ter serviços de higiene e segurança no trabalho;
-Ter seguro de acidentes de trabalho;
-Outros licenciamentos e alvarás quando aplicável;
-Ter técnico oficial de contas.
Além dos custos de constituição, há também a taxa de IRC, Derrama...

Em termos de Empresário em Nome Individual para iniciar actividade basta comunicar o facto às Finanças e Segurança Social. Não existem custos iniciais de constituição nem obrigação de ter capital social.
O ENI está também sujeito obrigações:
    -Inscrição na segurança social e pagamento de contribuições caso aplicável;
    -Inscrição na Autoridade para as Condições de Trabalho;
    -Ter serviços de higiene e segurança no trabalho;
    -Ter seguro de acidentes de trabalho;
    -Outros licenciamentos e alvarás quando aplicável.

A determinação dos rendimentos pode ser feita de duas formas (art.º 28 n.º 1 CIRS):
    -Pelo regime simplificado, não tenham ultrapassado no período de tributação imediatamente anterior um montante anual ilíquido de rendimentos desta categoria de 200.000 € (art.º 28º n.º 2 CIRS).
    -Com base em contabilidade organizada, caso seja ultrapassado algum dos limites acima referido, ou mesmo no caso contrário, se for essa opção do empresário (art.º 28º n.º 4 CIRS).

Regime Simplificado: Um dos aspectos mais importantes deste regime é o modo como se determina o rendimento tributável (ou seja, o valor que se tem em conta para efeitos fiscais). Essa determinação é feita através da aplicação de um coeficiente conforme art 31º CIRS
 
Na medida em que as margens de lucros reais se afastem destes valores pré-definidos, poderá fazer sentido optar pelo regime de contabilidade organizada.
Desaparece a colecta mínima no regime simplificado, o que permite que trabalhadores inseridos na Categoria B possam ter baixos rendimentos sem que tal implique um pressuposto de rendimento mínimo por parte da Administração Fiscal.
 
Interessa também referir que no regime simplificado não é preciso recorrer a um técnico oficial de contas, embora, se estiver sujeito a IVA será aconselhável.

O empresário em nome individual, caso cumpra algumas condições, nomeadamente, não ter tido no ano anterior um volume de negócios superior a € 10.000 nem possuir contabilidade organizada, pode estar isento de IVA. Nessa situação, não terá de exigir o IVA aos seus clientes, o que constitui alguma vantagem comercial. Caso não haja isenção de IVA, e o volume de negócios seja inferior a 650.000,00 €, este terá de ser entregue ao Estado trimestralment e (no caso contrário, a entrega será mensal) – Art.º 41º CIVA.


Em termos de questões gerais, espero que seja útil.

Tânia Domingues

Excelente explicação  ;)


*

Offline Galaxylevel

  • Outros
  • Prata
  • **
  • 4
  • 0
Re: Criação de Próprio emprego - Ajuda
« Responder #3 em: Junho 24, 2015, 10:40:06 pm »
Muito Obrigado Pela explicação Tânia :)

No meu caso especifico, aconselharia-me numa fase inicial o ENI?


*

Offline tania.domingues

  • T. Contabilidade
  • Ouro
  • ***
  • 69
  • 2
Re: Criação de Próprio emprego - Ajuda
« Responder #4 em: Junho 25, 2015, 03:57:09 pm »
Sim, seria a minha opção.  :)

Tânia Domingues
Cumprimentos,
Tânia Domingues

+500

 

Criação do próprio emprego

Iniciado por andrecabQuadro Projectos de Investimento

Respostas: 9
Visualizações: 2645
Última mensagem Outubro 29, 2014, 12:06:27 pm
por taniaribeiro
CRIAÇÃO PRÓPRIO EMPREGO

Iniciado por clbatistaQuadro Projectos de Investimento

Respostas: 1
Visualizações: 892
Última mensagem Junho 19, 2015, 06:25:25 pm
por shenanikita
Criação do próprio emprego - Q07 M22

Iniciado por onedeadlockQuadro Encerramento de contas

Respostas: 3
Visualizações: 872
Última mensagem Março 04, 2016, 04:29:21 pm
por zjmartins
Criação do próprio emprego TSU

Iniciado por Elena BondarencoQuadro Projectos de Investimento

Respostas: 1
Visualizações: 1015
Última mensagem Março 10, 2016, 02:23:00 pm
por AndreiaM
PROJECTO DE CRIAÇÃO DO PRÓPRIO EMPREGO

Iniciado por JOAOPIMENTAQuadro Projectos de Investimento

Respostas: 4
Visualizações: 2605
Última mensagem Outubro 01, 2012, 05:43:07 pm
por P€dro
Booking.com

Mensagens recentes

Imposto sobre sacos de plástico por dbotelho15
[Hoje às 12:30:05 am]


Reavaliação de imóveis por dbotelho15
[Dezembro 13, 2017, 11:51:20 pm]


Subsídio de Natal por IsaRocha
[Dezembro 13, 2017, 06:20:04 pm]


Ofertas a colaboradores por Filipe_RR
[Dezembro 13, 2017, 06:10:30 pm]


Re: Utilização da viatura da empresa para uso pessoal por arturtiago
[Dezembro 13, 2017, 05:52:23 pm]


Re: Utilização da viatura da empresa para uso pessoal por arturtiago
[Dezembro 13, 2017, 05:45:01 pm]


UBER INDEPENDENTE VS UNIPESSOAL por neto.joana
[Dezembro 13, 2017, 04:31:14 pm]


Partilhas imóvel por MARIAC
[Dezembro 13, 2017, 04:01:50 pm]


investimento por andrafa2
[Dezembro 13, 2017, 03:27:48 pm]


Re: NIF Português - Modelo 30 por carlamarinha
[Dezembro 13, 2017, 03:25:20 pm]


Utilização da viatura da empresa para uso pessoal por Jmrquintas
[Dezembro 13, 2017, 03:06:47 pm]


Re: desencontro de valores em e-factura por 00bjz00
[Dezembro 13, 2017, 02:35:12 pm]

Votações

Você não está autorizado a ver Sondagens neste quadro.
Dezembro 2017
Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sáb
1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 [14] 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30
31