*

Offline mikipas2012

  • Prata
  • **
  • 12
  • 0
irs
« em: Janeiro 10, 2016, 10:00:08 pm »
Boa noite

Precisava de ajuda relativamente a uma questão que não estou a conseguir resolver..

Um casal, com três dependentes menores alienou, no ano de 2015, a habitação permanente, tendo pago o empréstimo ao banco e adquirido uma nova pelo dobro do preço que tinham adquirido a primeira. Tiveram de recorrer a um empréstimo equivalente a 10% do custo da nova habitação.
(não foi efetuada opção pelo regime de tributação conjunta).

Alguém me consegue ajudar?

Patrícia Silva




*

Offline arturtiago

  • T. Contabilidade
  • Platina
  • ****
  • 464
  • 14
Re: irs
« Responder #1 em: Janeiro 11, 2016, 01:46:39 pm »
Patricia

em princípio, um dos sujeitos passivos (uma vez seguida a opção da não tributação conjunta), vai ter de preencher o anexo G (mais valias) pelo valor e data  da aquisição do imóvel, bem como a data de venda e respetivo valor do mesmo, para apuramento das mais valias.
isto, claro, é a minha opinião. contudo, sugiro que faça um telefonema para o 707 206 707 (AT), ou E-Balcão, para ficar melhor esclarecida sobre as dúvidas existentes.
tiago.


 

Votações

Você não está autorizado a ver Sondagens neste quadro.
Março 2017
Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sáb
1 2 3 4
5 6 7 8 9 10 11
12 13 14 15 16 17 18
19 20 21 22 [23] 24 25
26 27 28 29 30 31

Desculpe! Não há eventos disponíveis neste momento.