Paulo Carvalho
Março 12, 2020, 10:18:23 pm por Paulo Carvalho
Visualizações: 11833 | Comentários: 12

Caros colegas e membros em geral,

Assiste-se a uma crise severa, de saúde pública a nível praticamente global. A pandemia provocada pelo cornavírus COVID-19 está numa fase que merece toda a atenção.
Temos todos a obrigação de acatar ...

Procurar


*

Offline Dener

  • Bronze
  • *
  • 1
  • 0
Ajuda sobre calculos de custo e impostos
« em: Janeiro 11, 2018, 11:30:21 am »
Olá, gostaria de ajuda referente e um projeto que tenho, e por residir em Portugal a apenas 8 meses (antes morava na Irlanda), não conheço muito bem as leis cá, referente a venda de produtos. Na verdade nunca tive uma empresa que vendesse produtos, quando morava no Brasil tinha empresa de prestação de serviços, e na Irlanda trabalhava como freelancer.

Pois depois desta pequena introdução, desejo criar um loja online para venda de produtos, acontece que irei trabalhar no regime de dropship, ou seja, o cliente entra na minha loja, faz a compra, vou no meu fornecedor, faço a compra do produto, meu fornecedor envia para o endereço do meu cliente com minha marca, ou seja, para o cliente quem faz a venda sou eu, então eu devo fazer a facturação.

Mas é exatamente ai que começam minha duvidas, quero ter certeza que estou estritamente dentro da lei. Minhas dúvidas são:

1. Meu principal fornecedor é na Espanha, ao comprar o produto para meu cliente o produto será enviado a partir da Espanha, isso é considerado um importação por minha parte?

2. Ao comprar o produto na Espanha, o IVA vai ser pago na Espanha ou em Portugal? Ou seja compro o produto sem IVA e ao emitir a fatura o IVA será pago?

3.  Como calcular o imposto a pagar ao estado, exemplo, um produto que custe para eu comprar 200€ sem IVA, se eu vender por 250€ com IVA, o iva será calculado em cima do meu lucro, ou seja 50€, ou em cima de todo o montante 250€? Se for o caso de ser calculado em todo o valor, poço reduzir o custo do produto como despesas? (Essa é a parte que me trás mais dúvidas e principal para a viabilidade do meu negocio)

4. Qual seguimento minha empresa irá se enquadrar? Existe algo que posso fazer para obter benefícios de isenção ou algo do tipo? dentro da lei é claro.

Agradeço a ajuda, sei que algumas dessa dúvidas já estão no forum, mas por ser brasileiro não sei como buscar os termos corretos, como disse apenas 8 meses de Portugal, ainda estou aprendendo.




*

Offline kushinadaime

  • T. Contabilidade
  • Diamante
  • *****
  • 2695
  • 85
Re: Ajuda sobre calculos de custo e impostos
« Responder #1 em: Janeiro 12, 2018, 08:14:28 pm »
Basicamente o Dropshiping é uma comissão ao contrário.
A compra é uma compra sua ao seu fornecedor.
A venda é uma venda sua ao seu cliente.
O valor cobrado a si pelo seu fornecedor a si é uma prestação de serviços (meter a mercadoria na transportadora).

1
É uma operação intracomunitária.

2
O IVA vai ser pago em Portugal.
Sendo intracomunitária isto é diferente...
Ao comprar vai deduzir (por si) e liquidar IVA (pelo seu fornecedor) o valor de IVA da compra que não paga IVA em Espanha (como as taxas são iguais o efeito é nulo, a única coisa diferente de uma isenção é que vai ter que fazer é meter os valores na declaração).
Ao vender o seu cliente paga o IVA à taxa que couber, normalmente 23%, a si, que depois entrega ao estado.

3
IVA liquidado (IVA das facturas das vendas mais IVA das facturas das compras intracomunitárias), ao qual se subtrai IVA das facturas das compras (nacionais mais comunitárias) e IVA de alguns tipos de serviços e de activos fixos.
Mas IVA não quer dizer quase nada acerca da viabilidade da sua empresa, pois é encargo do seu cliente que o paga não seu, quase nada porque:
- Imagina que vendeu 1 milhão no mês passado, e por isso tem que pagar o IVA até dia 10 de Março, mas se o seu cliente pagar a 90 dias pode não ter dinheiro que chegue para pagar o IVA (1 de Janeiro que seja..., mais 60 dias dá inícios de Abril).

4
IVA
Se não tem nenhum rendimento tem que se enquadrar no regime geral, pois há uma isenção para rendimentos inferiores de 10.000,00 euros, só que essa isenção não está em causa neste exemplo.
Se vender 10.000,00 euros de vendas e assumirmos que não tem mais rendimentos pessoais "desligados" do negócio, supondo que a sua margem é 50% (pura especulação, mas não tenho elementos concretos, no entanto pequenos negócios precisam normalmente de margens maiores que 50% para serem viáveis) significa que vende a 10.000,00, compra a 5.000 e sobra 5.000 para despesas do negócio como telefones, deslocações a Espanha, etc..., e despesas suas (basicamente este regime dos 10.000,00 só interessa a quem tem a actividade como geradora rendimentos complementares).
Isto tudo para dizer que tem que estar enquadrado no regime geral de IVA.

No IR, é mais complicado...
Comece por fazer uma análise de:
- Responsabilida des
- Transacções
- Valores
Muitas responsabilida des financeiras, imagine que tem que trabalhar com muitas dívidas, ou não financeiras, que os atrasos das suas entregas podem causar danos que originem indemnizações grandes a pagar por si, nestes casos (só dei dois exemplos) convém ter uma empresa que o protege individualment e em grande parte. mas não a 100% no entanto é mais caro (menos impostos e mais despesas como por exemplo contabilista certificado) e ligeiramente mais limitado em termos de dinheiro (pode pagar salários, pode distribuir lucros mas não pode tirar dinheiro para si de outras formas à vontade).
Imagine que vai trabalhar com um enorme volume de transacções e de contas correntes, assim convém em um sistema de contabilidade completo como a contabilidade organizada normal, pelo que pode optar por uma firma, ou por IRS com contabilidade organizada, qual dos dois o melhor só sabendo mais detalhes... (é uma forma intermédia)
Depois tem o outro extremo, o regime simplificado de IRS, se os valores forem pequenos e as responsabilida des poucas, o dinheiro que paga a mais de imposto sobre o rendimento poupa nos serviços de um contabilista e faz a sua contabilidade nuns livros fáceis de preencher (ou sistema equivalente), no entanto se os valores crescerem demasiado vale a pena pagar ao contabilista para poupar nos impostos.

A maioria das pessoas começa um negócio com motivos para ser optimistas, mas sem certeza absoluta que o negócio vai ser viável, a melhor maneira se não tiver previsão de grandes responsabilida des iniciais ou grandes valores iniciais é começar IRS simplificado, depois se o negócio crescer faz uma empresa e transfere o negócio (a transferência é neutra fiscalmente, basicamente isenta de imposto).
Mas se tiver oportunidade comece por fazer um apanhado de despesas e rendimentos e se chegar à conclusão que pode ser viável vá falar com uns contabilistas, mas não fale só com um, especialmente porque a parte da conversa que será cada um deles a vender os serviços vsi ser bem diferente entre cada uma das conversas (por falar não quer dizer que compre...).

 

Ajuda sobre ajudas de custo

Iniciado por mariosilvacontaQuadro Apoio a Contabilidade

Respostas: 4
Visualizações: 1036
Última mensagem Abril 30, 2019, 11:47:29 am
por mariosilvaconta
Ajuda para um trabalho de Contabilidade(Impostos diferidos)

Iniciado por ajfpQuadro Contabilidade Financeira I e II

Respostas: 3
Visualizações: 6215
Última mensagem Dezembro 08, 2010, 12:14:54 am
por ajfp
Alterações no valor das ajuda de custo ou subsídio de transporte - 2011

Iniciado por MCamachoQuadro Outros Assuntos Legais

Respostas: 2
Visualizações: 2012
Última mensagem Janeiro 04, 2011, 10:57:14 am
por Paulo Carvalho
Ajuda: Contabilização de ajudas de custo e utilização de viatura própria

Iniciado por AnnaQuadro Contabilidade

Respostas: 7
Visualizações: 16417
Última mensagem Março 17, 2012, 02:11:12 pm
por Anna
Pedido Ajuda - Urgente sobre falência lehman brothers

Iniciado por Cândida CostaQuadro Pedidos

Respostas: 3
Visualizações: 1994
Última mensagem Maio 25, 2012, 04:55:25 pm
por Cândida Costa

Empregos

Não foram encontradas mensagens.

* Exame OCC

Votações

Você não está autorizado a ver Sondagens neste quadro.
Abril 2020
Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sáb
1 2 3 4
5 6 7 8 [9] 10 11
12 13 14 15 16 17 18
19 20 21 22 23 24 25
26 27 28 29 30

Desculpe! Não há eventos disponíveis neste momento.