collapse

Procurar


Fatura / Fatura Simplificada

  • 13 Respostas
  • 8870 Visualizações
*

Offline estrela83

  • **
  • 13
  • 0
  • Sexo: Feminino
Fatura / Fatura Simplificada
« em: Janeiro 12, 2013, 11:51:36 am »
Bom dia,

Tenho uma firma de manutenção, reparação e venda de veiculos automoveis, gostaria de saber em relação a faturação como devo proceder?

Segundo o que percebi posso passar fatura simplificada quando vender bens ou prestações de serviços em que o montante não seja superior a 100€. Correto???  :-\

Valores superiores a 100 € devo passar fatura e recibo separados ou quando o cliente efetuar logo o pagamento posso emitir uma fatura/recibo?

Por exemplo para empresas e companhias de seguros que têm 30 dias para efetuarem o pagamento posso passar fatura e depois quando efetuarem o pagamento passo o recibo.

Será assim que devo fazer?

Estou um pouco confusa porque nós passávamos sempre v.d ao cliente que pagava logo.

Obrigado

Com os melhores cumprimentos
Cátia Martins
« Última modificação: Janeiro 12, 2013, 12:08:53 pm por estrela83 »

*

Offline BMTCONTA

  • ***
  • 166
  • 2
Re: Fatura / Fatura Simplificada
« Responder #1 em: Janeiro 12, 2013, 04:25:16 pm »
Em relação á 1 questão, a colega está correta.
Em relação á 2 questão, deverá emitir uma fatura e depois um recibo.
A fatura/Recibo só veio subtituir os antigos Recibos verdes.
espero ter ajudado.

*

Offline jpaulobraga

  • ****
  • 385
  • 11
  • Sexo: Masculino
  • "A alegria não está nas coisas: está em nós."
Re: Fatura / Fatura Simplificada
« Responder #2 em: Janeiro 14, 2013, 11:03:42 am »
A fatura/recibo veio cumprir os requesitos do art 36 n.º 5.
Pode emitir fatura recibo



Em relação á 1 questão, a colega está correta.
Em relação á 2 questão, deverá emitir uma fatura e depois um recibo.
A fatura/Recibo só veio subtituir os antigos Recibos verdes.
espero ter ajudado.
Saudações
Paulo Braga

*

Offline paulacf80

  • ****
  • 366
  • 5
  • Sexo: Feminino
Re: Fatura / Fatura Simplificada
« Responder #3 em: Janeiro 14, 2013, 12:35:52 pm »
O preenchimento e emissão das faturas-recibo efetuam-se obrigatóriamen te no portal das finanças substituindo os recibos verdes e respeitando sempre desta forma os requisitos do art36 n.º5 do Civa, conforme oficio 30141/2013.


 
A fatura/recibo veio cumprir os requesitos do art 36 n.º 5.
Pode emitir fatura recibo



Em relação á 1 questão, a colega está correta.
Em relação á 2 questão, deverá emitir uma fatura e depois um recibo.
A fatura/Recibo só veio subtituir os antigos Recibos verdes.
espero ter ajudado.

*

Offline paulomac88

  • ***
  • 130
  • 0
  • Sexo: Masculino
Re: Fatura / Fatura Simplificada
« Responder #4 em: Janeiro 14, 2013, 12:58:38 pm »
Bom dia,
A interpretação do oficio 30141, pode ser feita de outra forma, pois menciona que a "... apenas a factura, factura-recibo e a factura simplificada cumprem a obrigação de facturação...", só no ponto seguinte fala das facturas-recibo emitidas no portal das finanças.

Era bom que fossem esclarecidos por parte da AT de forma tácita e explicita estas diferentes interpretações para posteriormente não existirem problemas para os sujeitos passivos.

Na dúvida talves seja melhor não facilitar.

Cumprimentos,


Paulo Machado

*

Offline adomarrocos

  • **
  • 7
  • 0
  • Sexo: Masculino
Re: Fatura / Fatura Simplificada
« Responder #5 em: Janeiro 22, 2013, 10:45:31 am »
Bom dia,
A interpretação do oficio 30141, pode ser feita de outra forma, pois menciona que a "... apenas a factura, factura-recibo e a factura simplificada cumprem a obrigação de facturação...", só no ponto seguinte fala das facturas-recibo emitidas no portal das finanças.

Era bom que fossem esclarecidos por parte da AT de forma tácita e explicita estas diferentes interpretações para posteriormente não existirem problemas para os sujeitos passivos.

Na dúvida talves seja melhor não facilitar.

Cumprimentos,

Sem duvida que seria muito importante a AT fazer esse esclarecimento de forma tácita e explicita, mas penso que mesmo dentro dos serviços eles não se entendem. Eu sou da opinião que tal como se lê o oficio, na introdução diz que os documentos que pode haver são factura, factura-recibo e factura-simplificada, e em baixo é a explicação dos documentos, referindo que factura-recibo são as que são emitidas no portal das finanças e quais os requisitos das facturas-simplificadas. Isto tem um sentido lógico, porque ao comunicar as facturas vamos ter que colocar que tipo de documento é, e apenas lá aparece factura e factura simplificada, não aparece factura-recibo, se os documentos têm que ter numeração sequencial vai dar bronca pois no local das facturas teriam que por os dois tipos e poderia ou repetir números ou dar números muito diferentes, e de acordo com uma formação da OTOC com um técnico das finanças ele diz que isso não deveria acontecer, de qualquer maneira isso é uma opinião e não é vinculativo na AT.
Cumprimentos,
Adolfo Marrocos

*

Offline Isaura Sobral

  • *****
  • 1112
  • 35
  • Sexo: Feminino
Re: Fatura / Fatura Simplificada
« Responder #6 em: Janeiro 22, 2013, 11:15:06 am »
Colegas,

Não consigo perceber o enredo desta novela "fatura-recibo". Este assunto já foi esclarecido.
Neste momento não há dúvidas que a fatura-recibo pode ser usada (para substituir a venda a dinheiro) e não é apenas para substituir os antigos recibos-verdes.

Para bem de todos e da profissão, seria importante a união para a partilha de esclarecimento s.

Cumpts,
IS

*

Offline carlasoaresvaz

  • ***
  • 148
  • 2
  • Sexo: Feminino
Re: Fatura / Fatura Simplificada
« Responder #7 em: Janeiro 22, 2013, 11:23:25 am »
Bom dia cara colega Isaura,

Eu, tal como vários colegas, não duvidamos dos esclarecimento s que partilhou connosco, contudo no meu caso, o gabinete de CTB com quem trabalhamos não querem arriscar deixar-nos fazer faturas-recibo até sair algo concreto por parte da AT, um oficio que saia no portal das finanças.

Cumprimentos
CS
Sem mais de momento,
Carla Vaz

*

Offline adomarrocos

  • **
  • 7
  • 0
  • Sexo: Masculino
Re: Fatura / Fatura Simplificada
« Responder #8 em: Janeiro 22, 2013, 11:23:51 am »
Colegas,

Não consigo perceber o enredo desta novela "fatura-recibo". Este assunto já foi esclarecido.
Neste momento não há dúvidas que a fatura-recibo pode ser usada (para substituir a venda a dinheiro) e não é apenas para substituir os antigos recibos-verdes.

Para bem de todos e da profissão, seria importante a união para a partilha de esclarecimento s.

Cumpts,
IS

Foi esclarecido por quem? O oficio circulado 30141 deixa a duvida no ar. Não há documento nenhum da AT que diga que a Factura-recibo pode existir para substituir venda a dineiro taxativamente. Todos os documentos que existem da AT deixam duvidas.
Diga-me uma coisa, tendo factura, factura-recibo e factura simplificada como faz no portal e-factura? Que opções escolhe e como justifica a sequencialidad e?
Cumprimentos,
Adolfo Marrocos

*

Offline adomarrocos

  • **
  • 7
  • 0
  • Sexo: Masculino
Re: Fatura / Fatura Simplificada
« Responder #9 em: Janeiro 22, 2013, 11:31:35 am »
Bom dia cara colega Isaura,

Eu, tal como vários colegas, não duvidamos dos esclarecimento s que partilhou connosco, contudo no meu caso, o gabinete de CTB com quem trabalhamos não querem arriscar deixar-nos fazer faturas-recibo até sair algo concreto por parte da AT, um oficio que saia no portal das finanças.

Cumprimentos
CS

Exacto a questão é mesmo essa, é que sem a AT emita algo que diga taxativamente "Podem ser emitido Factura-recibo em substituição das vendas a dinheiro" ou algo do género é complicado arriscar. Ainda mais depois de ouvir o sr Director do Serviço de Finanças de Braga que interiormente na AT era fomentado que não se podia emitir.

Eu entendo que o OC 30141/2013 gera mais duvidas nesse campo que os que esclarece pela sua redacção algo turva.
Cumprimentos,
Adolfo Marrocos

*

Offline Isaura Sobral

  • *****
  • 1112
  • 35
  • Sexo: Feminino
Re: Fatura / Fatura Simplificada
« Responder #10 em: Janeiro 22, 2013, 11:35:49 am »
Colegas,

Não consigo perceber o enredo desta novela "fatura-recibo". Este assunto já foi esclarecido.
Neste momento não há dúvidas que a fatura-recibo pode ser usada (para substituir a venda a dinheiro) e não é apenas para substituir os antigos recibos-verdes.

Para bem de todos e da profissão, seria importante a união para a partilha de esclarecimento s.

Cumpts,
IS

Foi esclarecido por quem? O oficio circulado 30141 deixa a duvida no ar. Não há documento nenhum da AT que diga que a Factura-recibo pode existir para substituir venda a dineiro taxativamente. Todos os documentos que existem da AT deixam duvidas.
Diga-me uma coisa, tendo factura, factura-recibo e factura simplificada como faz no portal e-factura? Que opções escolhe e como justifica a sequencialidad e?

Fico desiludida quando vejo confusões que supostamente não seriam necessárias, e quando os maiores prejudicados são os empresários, que têm informações diferentes dos TOC!!!
Já o afirmei aqui, eu própria não retiro la leitura do O.C. 30141 que se possa emitir fatura-recibo, mas foi esclarecido pela Diretora do DSIVA, pela OTOC e outros organismos de relevância, que é possível emitir o documento. Já partilhei essa informação aqui no forum.
Sejamos razoáveis, vale a pena discutir este assunto, quando a DSIVA vem dizer que é esse o entendimento que devemos tirar do Oficio, e este até nos dá jeito porque nos vai simplificar a vida!?

*

Offline Contabilistas.net

  • *****
  • 5554
  • 472
  • Sexo: Masculino
  • "A dúvida é o princípio da sabedoria"
Re: Fatura / Fatura Simplificada
« Responder #11 em: Janeiro 22, 2013, 12:06:22 pm »
Bom dia,

Na verdade e mesmo após alguns contactos, não me parece que este processo tenha sido bem conduzido pela AT, criaram muitas expectativas, criaram ou fizeram criar opiniões diversas, mais ainda com a saída de elementos de ordem interpretativa sobre a matéria e que na minha opinião não clarificou de forma convincente os utilizadores de tais medidas. Estive recentemente numa formação relacionada com o OE, esse tema foi logicamente chamado ao debate, e constatou-se que há uma grande confusão instalada nos operadores de toda esta informação e claro nos empresários, senão veja-se:
Um documento relativo a venda de um café, continha a designação factura simplificada e num outro local assinalava como sendo recibo também, e mais caricato era referir a inclusão do valor do IVA no preço e ainda uma outra referência de isenção do IVA.
É realmente de lamentar a falta de rigor de quem tem a responsabilida de de implementar a legislação.

Cumprimentos
Paulo Carvalho
« Última modificação: Janeiro 22, 2013, 12:06:54 pm por contabilistas.net »
Cumprimentos
Paulo Carvalho

*

Offline adomarrocos

  • **
  • 7
  • 0
  • Sexo: Masculino
Re: Fatura / Fatura Simplificada
« Responder #12 em: Janeiro 22, 2013, 12:29:36 pm »
Colegas,

Não consigo perceber o enredo desta novela "fatura-recibo". Este assunto já foi esclarecido.
Neste momento não há dúvidas que a fatura-recibo pode ser usada (para substituir a venda a dinheiro) e não é apenas para substituir os antigos recibos-verdes.

Para bem de todos e da profissão, seria importante a união para a partilha de esclarecimento s.

Cumpts,
IS

Foi esclarecido por quem? O oficio circulado 30141 deixa a duvida no ar. Não há documento nenhum da AT que diga que a Factura-recibo pode existir para substituir venda a dineiro taxativamente. Todos os documentos que existem da AT deixam duvidas.
Diga-me uma coisa, tendo factura, factura-recibo e factura simplificada como faz no portal e-factura? Que opções escolhe e como justifica a sequencialidad e?

Fico desiludida quando vejo confusões que supostamente não seriam necessárias, e quando os maiores prejudicados são os empresários, que têm informações diferentes dos TOC!!!
Já o afirmei aqui, eu própria não retiro la leitura do O.C. 30141 que se possa emitir fatura-recibo, mas foi esclarecido pela Diretora do DSIVA, pela OTOC e outros organismos de relevância, que é possível emitir o documento. Já partilhei essa informação aqui no forum.
Sejamos razoáveis, vale a pena discutir este assunto, quando a DSIVA vem dizer que é esse o entendimento que devemos tirar do Oficio, e este até nos dá jeito porque nos vai simplificar a vida!?

De facto estive a ver o esclarecimento que a OTOC lançou ontem dia 21 sobre o tema e diz que poderão ser emitidos factura-recibo quando a operação seja liquidada a pronto pagamento. Obviamente irei-me guiar por este parecer, que como a Isaura diz nos vai simplificar a vida, e isso nunca coloquei em causa, porque de facto torna tudo muito mais simples. No entanto estou ciente que haverá pessoas da AT a levantar problemas em fiscalizações, mas o futuro dirá.
Não vejo é razão para dizer que fica desiludida por existirem confusões... As pessoas não são todas iguais, têm raciocínios diferentes e modos de interpretar as coisas de maneira diferente. Isto é um forum, ou seja um espaço para debate, em que alguns colocam as suas duvidas e quem sabe ou pensa que sabe tenta ajudar. O que para si é fácil para outro pode não ser! Não é razão para dizer que fica desiludida.

Concordo plenamente com o administrador do forum quando diz que é de lamentar a falta de rigor nos tecnicos que têm que implementar a legislação, porque é vergonha que se vejam coisas absurdas, como por exemplo uma software house dizer aos clientes que a factura simplificada não pode ser passada a sujeitos passivos de iva e não se pode colocar os dados do cliente na mesma...
Cumprimentos,
Adolfo Marrocos

*

Offline jpaulobraga

  • ****
  • 385
  • 11
  • Sexo: Masculino
  • "A alegria não está nas coisas: está em nós."
Re: Fatura / Fatura Simplificada
« Responder #13 em: Janeiro 22, 2013, 02:46:01 pm »
Eu julgo que se está a complicar o que me parece claro no o.c 030141.
Pois se não vejamos:
1 – Refere o o.c. que “Deste modo, apenas a "fatura" ou "fatura-recibo" e a  fatura simplificada" cumprem a obrigação de faturação, na medida em que contenham os requisitos do n.º 5 do artigo 36.º ou do n.º 2 do artigo 40.º, respetivamente, ambos do CIVA. 

Por isso, no artigo 36 n.º 5 do civa diz “As faturas devem ser datadas, numeradas sequencialment e e conter os seguintes elementos:” deve agora ler se ““As faturas ou faturas-recibos devem ser datadas, numeradas sequencialment e e conter os seguintes elementos:”

2ª Se assim não for, isto é, se não se puder ler no n.º 5 do art 36 do civa a fatura-recibo… então o iva não pode ser dedutível na fatura-recibo pelo artigo 19 n.º 6 do civa

3 – No ponto do o.c. “Faturas-recibo emitidas no Portal das Finanças (www.portaldasf inancas.gov.pt
Este é um ponto completamente diferente do anterior e revoga a portaria 879, substituindo o antigo recibo eletrónico pela fatura-recibo “eletrónico”, para cumprimento do 115 do cirs.

Este ponto bem alterar o art. 115 do cirs e no ponto anterior é para cumprimento do 36 n.º5 do civa.

Assim, julgo que pode ser emitido fatura ou fatura-recibo e fatura simplificada.




Colegas,

Não consigo perceber o enredo desta novela "fatura-recibo". Este assunto já foi esclarecido.
Neste momento não há dúvidas que a fatura-recibo pode ser usada (para substituir a venda a dinheiro) e não é apenas para substituir os antigos recibos-verdes.

Para bem de todos e da profissão, seria importante a união para a partilha de esclarecimento s.

Cumpts,
IS

Foi esclarecido por quem? O oficio circulado 30141 deixa a duvida no ar. Não há documento nenhum da AT que diga que a Factura-recibo pode existir para substituir venda a dineiro taxativamente. Todos os documentos que existem da AT deixam duvidas.
Diga-me uma coisa, tendo factura, factura-recibo e factura simplificada como faz no portal e-factura? Que opções escolhe e como justifica a sequencialidad e?

Fico desiludida quando vejo confusões que supostamente não seriam necessárias, e quando os maiores prejudicados são os empresários, que têm informações diferentes dos TOC!!!
Já o afirmei aqui, eu própria não retiro la leitura do O.C. 30141 que se possa emitir fatura-recibo, mas foi esclarecido pela Diretora do DSIVA, pela OTOC e outros organismos de relevância, que é possível emitir o documento. Já partilhei essa informação aqui no forum.
Sejamos razoáveis, vale a pena discutir este assunto, quando a DSIVA vem dizer que é esse o entendimento que devemos tirar do Oficio, e este até nos dá jeito porque nos vai simplificar a vida!?
Saudações
Paulo Braga

 

Empregos

Mensagens recentes

EXAME OCC - RELATÓRIO DISPENSA DE ESTAGIO POR EXPERIENCIA PROFISSIONAL por IsabelBras
[Agosto 03, 2021, 07:33:28 pm]


Re: Gorjetas por Luis83
[Agosto 02, 2021, 03:30:42 am]


Re: EXAME OCC - APRESENTAÇÃO DO CV por IsabelBras
[Agosto 01, 2021, 10:14:50 pm]


Re: Férias fiscais para os contabilistas por rochanroll
[Agosto 01, 2021, 05:56:16 pm]


Aluguer Roupa por ssilva
[Agosto 01, 2021, 03:30:00 pm]


Flexibilização do calendário fiscal até Dezembro 2021 por Contabilistas.net
[Julho 31, 2021, 04:23:35 pm]


Férias fiscais para os contabilistas por Contabilistas.net
[Julho 31, 2021, 04:14:03 pm]


Re: Pedido de clarificação: CC que seja ENI por silvestre351
[Julho 30, 2021, 09:46:30 am]


Re: Pedido de clarificação: CC que seja ENI por Joaquim Alexandre
[Julho 29, 2021, 09:10:13 pm]


Pagamento a agente (contrato de agência) por maf123.
[Julho 29, 2021, 05:59:18 pm]


Re: Substituição Modelo 22 por Contabilistas.net
[Julho 29, 2021, 10:13:52 am]


Re: INICIO DE ATIVIDADE por silvestre351
[Julho 29, 2021, 08:50:38 am]

* Exame OCC

Re: exame maio 2021 por sonia
[Agosto 02, 2021, 12:15:42 pm]


exame maio 2021 por Danielaso94
[Julho 31, 2021, 02:18:36 pm]


Re: Q 12 Tarde por carolinalima03
[Julho 29, 2021, 03:28:25 pm]


Proposta Resolução Exame OCC - Maio 2021 por tavares.rui
[Julho 24, 2021, 12:02:20 pm]


Re: Q.21 manhã por carolinalima03
[Julho 23, 2021, 04:31:27 pm]


Re: Q 20 Tarde por A.Melo
[Julho 19, 2021, 03:59:29 pm]


Re: Q 06 Tarde por mimieboris
[Julho 11, 2021, 10:22:15 am]


Exame manhã - contestar por smendes25
[Julho 10, 2021, 10:35:16 pm]


Re: Q 29 Tarde por TGouveia
[Julho 02, 2021, 03:44:11 pm]


Re: Q 31 Tarde por TGouveia
[Julho 02, 2021, 03:36:58 pm]

Votações

Você não está autorizado a ver Sondagens neste quadro.
Agosto 2021
Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sáb
1 2 3 [4] 5 6 7
8 9 10 11 12 13 14
15 16 17 18 19 20 21
22 23 24 25 26 27 28
29 30 31

Desculpe! Não há eventos disponíveis neste momento.